Fique sempre atualizado!
Cadastre-se e receba nossas novidades em seu e-mail.
Widget by MundoBlogger

sábado, 7 de maio de 2011

2

A Sombra da Noite

Episódio completo sobre o caso do Poltergeist de Porto Alegre.



Porto Alegre, agosto de 1953. Um apartamento na Rua André da Rocha se tornou o centro das atenções do público e repórteres: estranhos movimentos e aparições acontecem por lá: uma imagem de Santa Bárbara flutua pela sala, louça se espatifa misteriosamente. A polícia é chamada, repórteres fazem vigília esperando os fantasmas e a história fica cada vez mais surpreendente.

Além de diversos depoimentos de familiares e vizinhos que presenciaram a movimentação na década de 1950, o Projeto Neblina esteve no local para procurar evidências sobre o que de fato aconteceu naquela noite...

Direção de Juan Zapata que assina o roteiro junto com Rafael Guimaraens e Edson Gandolfi.
Fotografia de Pablo Chassereaux.
Arte de Bernardo Zortea.
Edição de Nathália Silva.
Produção de Ismael Moraes e de Kiko Cunha.

quarta-feira, 20 de abril de 2011

6

Caso do Fantasma da Dra. Gladys

Quadro "Assombração", que foi exibido no jornal "RJ no Ar" do dia 19/04/2011, na Rede Record.
O Projeto Neblina foi até a casa da Dona Ione, no Rio de Janeiro, para investigar possíveis manifestações que acontecem durante a madrugada, inclusive a aparição de uma mulher que ela desconfia ser a antiga dona do imóvel.



Abaixo seguem as duas imagens sequenciais citadas na reportagem. Ambas foram tiradas do mesmo corredor utilizando o equipamento ultravioleta. Na segunda imagem é possível ver uma forma esfumaçada que não aparece em nenhuma das outras imagens feitas naquela noite.




(Clique nas Imagens para Ampliar)


O caso, a princípio, gira em torno da Dra. Gladys Browne, uma conhecida cirurgiã da década de 60, e que era cunhada de Dona Ione, atual proprietária do apartamento.
Os tipos de manifestações, as visões de uma mulher andando pela casa e o próprio relacionamento conturbado entre as duas, sugerem que a possível atividade esteja mesmo ligada a Dra. Gladys.
Porém, novos detalhes descobertos em um velho recorte de jornal podem indicar um outro caminho...



A investigação ganha um elemento à mais quando um suicídio, aparentemente não esclarecido, entra na história. Alguns objetos pessoais do médico que se matou foram levados para dentro do apartamento onde os fenômenos tem acontecido, e eram guardados no banheiro, exatamente o ponto de maior atividade da casa.